Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Achintya

Porque há coisas que não se explicam, sentem-se intensamente

Porque há coisas que não se explicam, sentem-se intensamente

Achintya

14
Jun19

E é isto... a loucura cá em casa...

kamini

Animais de estimação dentro de casa...Não! 

Já passaram alguns aqui por casa...cães e gatos que viviam da parte de fora da porta. Os miúdos fizeram várias tentativas para os trazer para dentro...mas não!

Se cresci com eles em casa...Sim! Mas, com o tempo, fiquei esquisita com as limpezas e só a ideia de ter animais a coabitar o mesmo espaço...Nem pensar nisso...faz-me comichões!

A filha mais velha adora animais e volta e meia tenta a sua sorte...Com o nascimento da irmã, o tempo para essas aventuras, foi drasticamente reduzido...Dissemos sempre " se queres um animal, é tua inteira responsabilidade" " É uma coisa muito séria, não se desliga quando não temos tempo ou paciência..." Teve medo, muito medo...e nunca assumiu esse compromisso.

A miúda mais pequena já começa a estar crescida, gostamos que ela veja e contacte com os animais...até que, num quintal de uns familiares:

viu..

interagiu...

voltou a ver...

a mexer...

a carregar nos olhos...( devagarinho!)

a acariciar de baixo do pescoço...

a rodar a cabeça para se verem nos olhos...

Para tudo! Elas estão a criar laços? Não...A gatinha ainda é muito pequena (a irmã era o dobro dela!)

Começa o pai: " Gostas da gatinha?" "devagarinho, só festinhas de gato!"

Eu: "Ela está encantada..." "Tão fofas..."

Familiar: "Leva a outra, essa é enfezada..."

Nós: " Não, nem pensar!" e a pensar que até faria bem à miúda...e à pobre enfezadinha...

Viemos embora. Passamos no parque com a pequena. 

Eu: "Ela gostou da gata"

Pai: " Pois" "E nas férias?"

Eu: "Vê se aceitam animais". Ele foi ver e disse que sim...

Pai: " Dava cabo dos sofás..." Lembrei-o que estão velhos, quase a precisar de remendos...(andamos há algum tempo a pensar comprar uns novos, mas com a miúda pequena achamos que não seria a melhor altura para investir nisso)

Não...

Saímos do parque, para regressar a casa. Diz o pai: "Como é? Vamos buscar a gata ou não?" 

...

A miúda mais velha entrou no carro. Olhou para mim e viu um gato enroscado no colo.

Disse: "Eu não acredito! O que é que se passou com vocês?" " Vocês estão bem ?"

E é isto... a loucura cá em casa...tenho uma gata dentro de casa!

 

 

 

31
Mai18

O primeiro encontro...

kamini

 O dia chegou. A barriga não a deixava relaxar...aquele nervoso miudinho provocava-lhe cólicas. Calma, isto não é nada. Assim não chegas à tarde! Dizia a si própria. Ele apareceu, à hora do almoço, a confirmar mais uma vez. Vou estar aqui à tua espera. Disse-lhe.

Subiu para a mota, a tremer...sem saber para onde ia.  Tinha ideia dos riscos. Não se deixou intimidar. Tremia, mas não era o medo que a comandava, era a adrenalina! Sabia apenas que queria ir...rumo ao desconhecido.

Pararam num centro comercial. Ela, ainda lívida, desmontou desajeitadamente. Era tudo novo, deslumbrante, assustador, desafiante.  Ele ajudou-a a tirar o capacete, sentiu-se corar...o sangue voltou a circular a alta velocidade. Agora que estava parada e tão próxima dele.

Anda, vamos lanchar! Disse-lhe ele. Caminharam lado a lado, até ao último piso. Entraram na melhor pastelaria da cidade e procuraram uma mesa. Alguns momentos de um silêncio constrangedor, receio de se olharem nos olhos. Fizeram o pedido. Cada um, com seu bolo e sua coca cola. Ela tinha a sensação que, algo tão natural como comer, parecia agora um bicho de sete cabeças. Toda Ela tremia...as mãos poderiam traí-la  a qualquer momento. Seria bonito...a mesa teria uma nova apresentação...e Ela também! Fizeram conversa de circunstância, os dois perdidos. Até que Ele diz corajosamente : " Gostava muito de te conhecer melhor. Queres namorar comigo?". Desta vez ia cuspindo a bebida que tinha na boca...ficou calada por uns instantes que, a Ele, pareceram uma eternidade. Sentiu o rubor nas faces mas conseguiu dizer "Sim, também gostava de te conhecer melhor."

Terminaram o lanche e Ele levou-a de volta à escola. Ao contrário do expectável, despediram-se, desajeitadamente,  com beijos na cara. Afinal estavam a conhecer-se...

Ela passou todo o fim de semana a pensar Nele.  Curiosamente, apreciou o facto de Ele não a ter beijado...

Mas Ele seria assim tão bom rapaz ou estaria só a gozar com Ela?

 

 

 

06
Fev18

Um sonho...

kamini

 Ultimamente não tenho dormido o suficiente para sonhar, pelo menos se o faço, não me lembro ...

 Acordei no meio de um sonho...estava a sonhar com uma amiga que não vejo há anos...talvez uns dezasseis? A vida, simplesmente, seguiu caminhos diferentes.

Soube há uns dois anos, pelo facebook de outra pessoa que ela tinha uma clínica de estética. Fiquei feliz, por ela, após um divórcio, parecia feliz com a filha.

No sonho encontrámo-nos, perdemos-no num abraço forte...perguntei-lhe como estava...da clínica...queria contar-lhe de mim, que tinha voltado a ser mãe! Tínhamos anos de atraso em conversas.Tive que escolher entre Ele e o negócio, disse-me. As lágrimas libertaram-se dos seus olhos...voltou a abraçar-me...pronta para me contar o que a atormentava.

Acordei...queria ouvir o que me queria dizer...estranho sonhar com ela...precisará de ajuda?

Nas redes sociais, fui à procura da dita clínica, percebi que provavelmente já não existe...tudo parado há meses, sem publicações... Espero que esteja tudo bem!

Andei todo o dia a pensar nisto...tenho que procurar um contacto...uma forma de nos reencontrarmos!

 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Blogs Portugal

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D